Agradecimento

O ano de 2018 terminou. Este foi um dos anos mais trágicos de que há memória no nosso município. A nossa histórica estrada que nos ligava a Vila Viçosa, desmoronou-se, e arrastou consigo 5 vidas. Foi uma perda profundamente triste, e mais uma vez reforço as minhas condolências às famílias enlutadas.

Terminados os trabalhos, é tempo de olhar para trás e fazer os agradecimentos a tantos homens e mulheres que cruzaram o Teatro de Operações, e entre todos se empenharam de forma inexcedível.

Em primeiro lugar, realço os trabalhos da Autoridade Nacional de Proteção Civil, nas pessoas do Comandante José Ribeiro e da 2.ª Comandante Maria João, bem como toda a restante equipa. A forma serena com que orientaram as operações foi, em minha opinião, o grande sucesso dos resultados.

Agradeço e reconheço o empenho de todas as entidades e corpos de bombeiros presentes e que deram o seu melhor, não apenas de forma profissional, mas sobretudo com um sentimento de missão para um objetivo comum.

- Comando Territorial de Évora da GNR

- Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro da GNR

- Instituto Nacional de Emergência Médica (Delegação regional do Sul)

- Marinha

- Instituto Hidrográfico

- Regimento de Engenharia Nº 1

- Força Especial de Bombeiros

 

Corpos de Bombeiros envolvidos

Distrito de Évora

- Alandroal

- Arraiolos

- Borba

- Estremoz

- Évora

- Montemor-o-Novo

- Mora

- Mourão

- Portel

- Redondo

- Reguengos de Monsaraz

- Vendas Novas

- Viana do Alentejo

- Vila Viçosa

 

Distrito de Portalegre

- Avis

- Alter do Chão

- Campo Maior

- Castelo Vide

- Elvas

- Gavião

- Ponte de Sor

 

Distrito de Lisboa

- Cascais

- Estoril

- Lourinhã

- Sacavém

 

Não posso de deixar de agradecer às empresas envolvidas, que, com a sua larga experiência, se mostraram uma grande mais valia no desenvolvimento dos trabalhos.

- Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva – EDIA

- Águas do Vale do Tejo

- EDP Distribuição

- Sociedade Luso-belga de Mármores – SOLUBEMA

- Trabalhadores da empresa ALA DE ALMEIDA LDA

- JOAQUIM PEDRO, LDA

- NELSON LUZ – ASSISTENCIA TÉCNICA DE COMPRESSORES LDA

- JA RAMOS, LDA

- MAGRATEX – Mármores e Granitos para Exportação, Lda

- MARMETAL – Mármores e Granitos de Construção SA

- Sociedade Mineira de Neves-Corvo – SOMINCOR

- Laboratório Nacional de Engenharia Civil

 

À Associação de Reformados de Borba, aos Serviços Municipais de Proteção Civil dos municípios de Alandroal, Évora e Viana do Alentejo, bem como a todos os elementos da Comissão Municipal de Proteção Civil de Borba, que connosco se empenharam. Aos eleitos dos diversos municípios que comigo demonstraram a sua solidariedade, aos colegas eleitos do município de Borba: vereadores, Juntas de Freguesia de Matriz e São Bartolomeu, Assembleia Municipal, a todos o meu Muito Obrigado.

Agradeço ainda de forma muito reconhecida aos voluntários de Rio de Moinhos que, de forma totalmente gratuita, se entregaram nesta causa.

Agradeço a todos os funcionários do município que, direta ou indiretamente, se empenharam totalmente e de forma profissional e pessoal no avanço e sucesso dos trabalhos.

Agradeço à DELTA CAFÉS e ao comércio da região que nos facultou apoio na logística: Espiga Take Away, Tobias, Aurora Clérigo e Padaria da Leontina (Bencatel). Agradeço ainda, no campo da logística, à Santa Casa da Misericórdia de Borba e ao Agrupamento de Escolas de Borba.

Não podia deixar de agradecer aos supermercados e lojas que, gratuitamente, contribuíram na alimentação das centenas de operacionais que estiveram no Teatro de Operações: saliento os supermercados Recheio e Jumbo (Évora), que, e ainda antes de qualquer pedido de apoio, nos contactaram a oferecer donativos. Também o Intermarché de Vila Viçosa nos deu algum apoio que generosamente agradecemos. Realço a total disponibilidade do Grupo Jerónimo Martins, que desde o quarto dia das operações, até ao 14.º, nos cedeu toda a alimentação dos operacionais envolvidos, incluindo as refeições prontas de take away da cozinha central. Os mais reconhecidos agradecimentos, quer aos responsáveis do grupo, quer aos colaboradores envolvidos, incluindo os funcionários da loja Pingo Doce de Borba.

Lamentavelmente, perderam-se cinco vidas nesta tragédia, contudo, aqui se encontraram inúmeras vidas repletas de humanidade e sentido de dever.

 A todos desejo um ano de 2019 repleto de momentos felizes.

 

O Presidente da câmara,

(António José Lopes Anselmo)